O significado do quadro “A Traição das Imagens”, René Magritte

“Isto não é um cachimbo”

Por Simone Martins

René Magritte parece contradizer a realidade nomeando absurdamente uma coisa que não precisa ser nomeada, ao mesmo tempo negando que ela seja o que obviamente é. Escrevendo “Isto não é um cachimbo” embaixo da figura de um cachimbo, ele mostra que a imagem de um objeto não deve ser confundida com algo tangível e real.

Uma das mais famosas imagens de Magritte, este quadro questiona os conceitos de definição e representação. Nem tudo é o que parece ser, Magritte está dizendo: o quadro apresenta, assim , um desafio à ordem social e um ataque à maneira de ver e de pensar geralmente aceita.

Inicialmente inspiradas por Giorgio de Chirico, as pinturas surrealistas de Magritte com frequência utilizam imagens fantásticas, perturbadoras e oníricas, como um trem a vapor emergindo do centro de uma lareira, ou um céu em que as nuvens se transformam em pães franceses.

Nascido na Bélgica, Magritte começou sua carreira como artista comercial, e isso talvez reflita na nitidez e clareza de sua obra.

Pubicado originalmente no site: http://www.historiadasartes.com

Sobre joaoantonio60

Traço de União é um espaço para aqueles que defendem a democracia, a ciência e a preservação do Planeta Terra - azul e redonda.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s